O sector de monitorização da actividade de gestão de resíduos tem como objectivo último da sua actividade levar a que situações de funcionamento deficientes dêem lugar a situações de bom funcionamento.

Isto leva a que nas visitas efectuadas às diferentes infra-estruturas ligadas à gestão de resíduos existentes na Região Centro se recolham dados, que posteriormente são utilizados para correcção de situações anómalas.

Principal legislação aplicável:

DL 239/97, de 9 de Setembro (pdf, 80.78 kB)
DL 152/2002, de 23. de Maio (pdf, 201.42 kB)
DL 239/97, de 9 de Setembro (pdf, 80.78 kB)
Portaria 209/2004, de 3 de Março (pdf, 181.61 kB)        

Infra-estruturas de tratamento

Os resíduos sólidos urbanos (RSU) produzidos na Região Centro são geridos por cinco sistemas integrados. Dois são Associações de Municípios intermunicipais e três são multimunicipais.

A acção dos serviços de monitorização ambiental incide sobre a actividade desenvolvida nas diferentes infra-estruturas dedicadas a este tema.

As referidas infra-estruturas constam de:

Para além dos RSU, na Região Centro ainda se encontram: